terça-feira, 9 de novembro de 2010

Estranho mundo


3 comentários:

Lúcia disse...

Grafismo interessante nas colunas, teto, paredes...
E claro, tinha que ser PB! ;-)
Beijo

Olhar Lunar disse...

Hoje fui estacionar a outra garagem, já não ia lá há muito tempo, e por lá fiquei, agarrado às palavras, que não grafitis, e vi um homem sentado no seu carro mundo, em espaço fechado e neutro, como se estivesse numa montanha com vistas inebriantes, enchendo os pulmões de um vigor inesperado, deitando para fora um mundo de insuspeitadas virtudes, de palavras agridoces, mas belíssimas. Um ser gigante como as montanhas que calca. E como as fotografias que sente. Abraço.

Maria, Simplesmente disse...

Um estranho mundo, é verdade!
Raro... muito raro encontrá-lo tão despovoado!
Será o frio... será a chuva...?
Estranho... muito estranho mesmo!
Maria